A Área de Conservação e Restauro e as exposições

Na realização de uma exposição é necessária a participação de todos os sectores do Museu.

As exposições são realizadas com objectos representativos dos temas a tratar. Esses objectos são, na sua maioria, pertencentes ao MNE embora por vezes se recorra a empréstimos exteriores. É necessário garantir previamente que o estado de conservação dos objectos permite a sua exposição.

Para alem dos objectos há também a utilização de imagem em movimento (filmes projectados em tela ou em monitor), imagem parada (fotografias ampliadas) som, textos (legendas, textos de parede ou folhas volantes) para ilustrar o tema da exposição.

Os sistemas expositivos são muito variados. Os objectos podem estar:

·    suspensos;

·    sobre um suporte (normalmente em metal, acrílico ou madeira e construídos especificamente para cada objecto) ou

·    assentes directamente nos expositores.

Todas estas possibilidades podem ainda ocorrer dentro ou fora de vitrinas fechadas.

Em todas as exposições é feito um relatório de montagem que inclui o estado de conservação dos objectos, os sistemas expositivos e de apoio bem como a sua distribuição na sala e recomendações de trabalho. É assegurada uma monitorização regular para detectar eventuais anomalias ou problemas causados pelas soluções utilizadas na exposição. Inicialmente a monitorização ocorre uma vez por semana sendo esse período progressivamente espaçado, caso não sejam detectados problemas. Em situações regulares a monitorização ocorre mensalmente sendo elaborado um relatório. As situações irregulares são também registadas em relatório.

As segundas-feiras e terças-feiras de manhã são utilizadas para a realização de limpezas mais detalhadas e manutenção dos equipamentos, uma vez que nessas alturas as exposições não estão abertas ao público.


Pormenor da degradação (mancha branca sobre o estrado verde) causada pelo tombo do objecto provocado por um visitante


Vestígios da actividade de insectos xilófagos num objecto da exposição “Sogobò” detectados durante a monitorização


Catarina Teixeira (esquerda) e Mariana Duarte (direita) durante a montagem da exposição “Com os índios Wauja” colocando uma máscara no suporte


Mariana Duarte (esquerda) e Catarina Teixeira (direita) durante a montagem da exposição “Com os índios Wauja” preparando um objecto para suspender

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s