Presença do MNE no Metropolitan Museum of Art, New York

MetBlogs_PowerAndMajesty

Encontram-se atualmente patentes ao público no Metropolitan Museum of Art (Nova Iorque) três peças das coleções do Museu Nacional de Etnologia – dois barretes mpu (N.ºs de Inv.: AO.167 e AO.168) e um bastão (N.º de Inv.: AA.677) –, cedidas para a exposição «Kongo: Power and Majesty», que reúne um total de 146 obras oriundas de 60 museus e coleções particulares dos EUA e da Europa.

A exposição, inaugurada a 18 de setembro e que poderá ser visitada até ao dia 3 de janeiro de 2016, é dedicada à história e à herança artística das populações Kongo e produzida entre o século XIV e início do século XX, numa região que corresponde atualmente a Angola, República do Congo e República Democrática do Congo.

Mais informações em:

http://www.metmuseum.org/exhibitions/listings/2015/kongo/blog/posts/welcome

Objetos e montagem da exposição:

MNE: AO.168 | Barrete

MNE: AO.168 | Barrete

MNE: AA.677 | Bastão

MNE: AA.677 | Bastão

MNE: AO.167 | Barrete

MNE: AO.167 | Barrete

     

Anúncios

Montagem da exposição “Quando os deuses visitam Bali”, no Museu da Marioneta

Inaugurou no passado dia 24 de Outubro a nova exposição do Museu da Marioneta intitulada por Quando os Deuses Visitam Bali. Nesta exposição exibem-se objectos rituais e do quotidiano Balinês, entre os quais máscaras Topeng, eculturas, têxteis e jóias, pertencentes à colecção de Francisco Capelo, com excepção de cinco objectos temporariamente cedidos pelo Museu Nacional de Etnologia – uma escultura de Rarun, filha de Rangda [AU.763]; três evocações da deusa do arroz [BJ.219;BJ.220;BJ.223] e uma lâmpada [AU.942]. Esta exposição poderá ser visitada até 18 de Janeiro.

Para mais informações consultar a programação do Museu da Marioneta em: http://museudamarioneta.pt

Lâmpada [AU.942] em vitrina partilhada com várias sombras de Bali [col. Francisco Capelo]

Lâmpada [AU.942] em vitrina partilhada com várias sombras de Bali [col. Francisco Capelo]

Conjunto das três evocações da deusa do arroz [BJ.219;BJ.220;BJ.223]

Conjunto das três evocações da deusa do arroz [BJ.219;BJ.220;BJ.223]

 

Reabertura do Museu de Santo António

No passado dia 18 de Julho de 2014 foi reaberto ao público o Museu de Santo António, em Lisboa, após obras de ampliação e requalificação. A nova exposição permanente visa assinalar a vivência de Santo António não só em Portugal, mas no mundo, pelo que prevê a rotatividade de alguns dos seus núcleos. Nesta primeira mostra integram para além do espólio do Museu de Santo António, objectos de colecções públicas e privadas em Portugal, entre os quais objectos do Museu Nacional de Etnologia e Museu de Arte Popular. Até ao final do ano será possível encontrar entre esse conjunto, figurado de barro representativo de Santo António, designadamente, um Santo António pregando aos peixes cuja autoria se atribui a Mistério F.M. [MNE.3575]; um Santo António da autoria de Rosa Ramalho [MNE.3635]; Alminhas da autoria de Domingos Gonçalves Limas, conhecido pela alcunha de o Mistério [AT.731], e ainda um ex-voto de autoria desconhecida [MNE.6489]. Apresentam-se algumas fotografias do processo de montagem da referida exposição que contou com o apoio técnico de profissionais da Iterartis.

DSC00109 DSC00123 DSC00129