Diálogos na Diversidade. Programa de Educação para a Multiculturalidade 2018-2020

DD_Cartaz_SessaoPublica_A4

No próximo dia 27 de junho terá lugar no auditório do Museu Nacional de Etnologia, pelas 18h00, a apresentação pública do projeto Diálogos na Diversidade: Programa de Educação para a Multiculturalidade.

Este programa educativo tem como objetivo contribuir para o desenvolvimento de valores e atitudes que conduzam ao exercício de uma cidadania plena no contexto de uma sociedade crescentemente multicultural, a partir de dois planos principais de interpelação dos participantes nas suas atividades:

  • Reflexão sobre os estereótipos de base racial, étnica e cultural que (ainda) importa combater e eliminar, com vista a assegurar o princípio da igualdade e da não discriminação para cada um dos membros da sociedade portuguesa;
  • Reflexão sobre o papel social do Museu e a relevância das suas coleções para o conhecimento da diversidade cultural, às escalas nacional e global, assim como para a promoção do princípio da igual dignidade de todas as culturas. Este Programa é dirigido à comunidade escolar globalmente considerada, incluindo estudantes – do 1.º, 2.º e 3.º Ciclos do Ensino Básico, Ensino Secundário e Ensino Noturno –, docentes e encarregados de educação, decorrendo a sua implementação entre 2018 e 2020.

O Programa Diálogos na Diversidade é desenvolvido com o apoio exclusivo da Editora Santillana, que recentemente se constituiu como mecenas para a área de educação do Museu para o próximo triénio.

Anúncios

Inauguração da exposição «Estudos do Labirinto» | 18 de Maio | 18h00

Estudos do Labirinto define um espectro conceptual que estuda o universo da criação artística, estreitando laços com áreas disciplinares muito diversas. O projeto encontra em Belém, concretamente no Museu Nacional de Etnologia, no Jardim Botânico Tropical, no Museu de Marinha e no Planetário Calouste Gulbenkian, um campo de ação em que se promove o encontro entre lugares, artistas e investigadores. A exposição apresentada no Museu Nacional de Etnologia resulta do encontro dos artistas Francisco Tropa e Teresa Carepo com este lugar de pluralidade cultural.

estudos-do-labirinto-convite-04-web

 

Mestrado em Património – Departamento de História da FCSH/UNL

fcsh.jpg

No âmbito de colaboração estabelecida com o Departamento de História da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, entre março e junho de 2018 decorrerão no Museu Nacional de Etnologia, ao sábado, diversas sessões dos seminários do Mestrado em Património dedicados aos temas “Património Imaterial” e “Escola, Município e Cultura”, a cargo do Professor Doutor António Camões Gouveia. Ao longo do 2.º Semestre, os alunos daquele Mestrado terão assim oportunidade de conhecer em maior profundidade diversas das valências do Museu, com destaque para as Reservas Visitáveis «Galerias da Vida Rural».